sexta-feira, 4 de maio de 2018

CONSULTA NACIONAL DOS BANCÁRIOS 2018

Quais são as suas prioridades?
A sua participação é fundamental para garantir as conquistas da categoria!

JÁ ESTÁ NO AR a Consulta Nacional dos Bancários 2018


ATENÇÃO: NOVO LINK


Devido a um problema técnico o link a seguir é o que está correto.


















quinta-feira, 3 de maio de 2018

Itaú lucrou mais de R$6,4 bilhões no 1º trimestre de 2018

Crescimento do lucro é devido à queda das despesas e custos de crédito





O banco Itaú obteve um Lucro Líquido Recorrente de R$ 6,419 bilhões no 1º trimestre de 2018, com crescimento de 3,9% em relação ao mesmo período de 2017 e de 2,2% nos três primeiros meses. A rentabilidade (Retorno sobre o Patrimônio Líquido médio anualizado – ROE) ficou em 22,2%, com aumento de 0,2 pontos percentuais em doze meses.
Do ponto de vista gerencial, os itens que impactaram o crescimento do lucro no ano não foram as receitas e sim a queda das despesas, principalmente o item custos de crédito (-11%), que inclui as despesas de Provisão para Devedores Duvidosos (PDD) e as despesas não decorrentes de juros (-7,9%).
Para Jair Alves, coordenador da Comissão de Empregados do Itaú (COE-Itaú), o banco continua lucrando muito alto. “Os rendimentos dos funcionários não acompanham a rentabilidade do banco, nem mesmo no que se refere às receitas que o banco obtém com a cobranças de tarifas de serviços”, explicou.
A receita com prestação de serviços e tarifas bancárias cresceu 8,2% em doze meses, totalizando R$ 9,3 bilhões. Já as despesas de pessoal subiram 4,9%, chegando a R$ 5,5 bilhões. Com isso, a cobertura destas pelas receitas secundárias do banco foi de 167,87% em março de 2018, um aumento de 5,03 pontos percentuais.
A holding encerrou o mês de março de 2018 com 85.843 empregados no país, com abertura de 4.624 novos postos de trabalho em doze meses. Segundo o banco, a abertura de postos foi devido a contratação para a estrutura do banco de varejo, relacionado à rede de agências, ao mesmo tempo em que teve início um processo de contratação com o objetivo de reforçar o potencial de vendas da rede. Nesse total, estão inclusos os trabalhadores do Citibank (+2.897), no Brasil. Numa análise rápida, o saldo aparente é de que foram abertas 34 agências físicas e 16 agências digitais, mas, ao se considerar que 71 agências físicas do Citibank foram incorporadas ao grupo, vê-se que o saldo, de fato, é de 37 agências físicas fechadas em doze meses.
Clique aqui e veja os destaques. 
Fonte: Contraf-CUT

segunda-feira, 30 de abril de 2018

Reflexão sobre o 1º de maio



Primeiro a gente tira a Dilma... Depois a gente ataca a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), libera a terceirização, acaba com a aposentadoria e entrega o patrimônio nacional para os gringos.” Esses eram os verdadeiros motivos do golpe de 2016, promovido por alguns políticos, banqueiros, empresários e a mídia comercial. 
E foi o que se confirmou em seguida, com a aprovação da terceirização ilimitada – permitida até mesmo nas atividades fim das empresas –; com a reforma trabalhista, que extinguiu direitos e legalizou o “bico”; com a ameaça de acabar com as aposentadorias; com a redução dos gastos em Saúde e Educação (Emenda Constitucional 95) e com a entrega de nossas riquezas, como o pré-sal, Eletrobrás e ataques aos bancos públicos (Caixa, BB e BNDES).
Por tudo isso, o 1º de Maio deste ano será de resistência e luta, em defesa dos direitos e da democracia:
* Contra a Reforma da Previdência!
* Pela geração de emprego decente, valorização dos salários e ampliação de direitos!* Pela revogação da Reforma Trabalhista e a Lei das Terceirizações!
* Pela anulação da Emenda Constitucional 95 que congelou investimentos em educação e saúde por 20 anos (mas que permite o pagamento atualizado dos juros da dívidas aos banqueiros)!
* Pelo fortalecimento das empresas públicas e contra o desmonte e privatização das mesmas (BB, Caixa, Correios, Petrobras...)!
* Pela extinção do projeto que privatizou o pré-sal!
* Contra qualquer intervenção militar!

Na Resistência e na Luta por um outro mundo mais justo e menos desigual que seguimos juntos! 
Diretoria do Sindicato dos Bancários e Bancárias de Nova Friburgo e Região
A utopia está lá no horizonte. Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos. Caminho dez passos e o horizonte corre dez passos. Por mais que eu caminhe, jamais alcançarei. Para que serve a utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar.” Eduardo Galeano citando Fernando Birri